1. Como virei escravo da minha esposa


    Encontro: 20/12/2017, Categorias: Fetiches, Autor: ksadocotia, Fonte: ContoErotico

    outra mão me punhetava. Meu tesão era intenso e o dela pelo visto também.Mas não parou por ai. Aquilo foi apenas para me preparar, pois ela tirou seus dedos e começou a me penetrar com seu consolo. Ela foi enfiando devagar até ele estar todo dentro de mim. Então começou a meter com força, entrando em saindo sem dó e mandando oue gemer.Eu gemia de prazer em estar sendo comido por minha ninfeta. Sentia sua vontade em mostrar em que ela fazia o que quisesse comigo.Depois de saciar sua vontade em me comer, ela mandou que virasse. Meu pau estar duro e agora iria usa-lo. Colocando a calcinha para o lado ela sentou em minha pica. Estava tão molhada que entrou facilmente. Assim que sentou e sentiu ele todo dentro dela, começou a cavalgar. Cavalgava com vontade, por vezes cravando suas unhas em mim.Fez isso saciando sua vontade por sexo me ordenou que enchesse sua buceta de porra, poisqueria sentir o leite quentinho dentro dela. Gozei gostoso, enchendo sua buceta de porra.Ali despertava uma mulher que ainda não conhecia, mas que estava ansioso por saber onde isso iria dar e não precisei demorar muito, pois na noite que se seguiu resolveu me mostrar que aquela dominadora veio pra ficar.Novamente na cama, mas desta vez sem algemas, mandou que tirasse a roupa e ficasse de costas. ...
    Dessa vez ela pegou mais pesado com os tapas e batia com vontade. Logo em seguida novamente sentia seu dedo me penetrar, entrando e saindo enquanto a ouvia dizer que eu era seu escravo e devia obediência e não o fizesse seria castigado daquela forma.Dessa vez não usou seu cinto, mas pegou um consolo que tinha e antes de me penetrar com ele me fez chupa lo, deixando ele molhado para que pudesse enfia-lo no meu cú. Dava pra ver o prazer em seus olhos em me usar daquela forma.Tirou da minha boca e mais uma vez ela me comeu gostoso ouvindo em gemer com aquele consolo dentro de mim. Deu varias estocadas e pediu que virasse. Ainda com o consolo dentro de mim, ela começou a me punhetar. Meu tesão era intenso e o dela também. Estava com tanto tesão que não demorou para eu gozar. Gozei gostoso lambuzando inclusive seus dedos.Ela chupou meu pau, sugando a porra que estava sobre ele e logo em seguida subindo sobre mim, me fazendo abrir a boca, me fez engolir aquela porra que estava em sua boca, me fez ainda limpar seus dedos, o que obedeci como um bom escravo. Então dando um tapa em meu rosto e me chamando de safado saiu de cima de mim e foi dormir após ter me usado.Ela ainda quer me por na coleira e me amarrar na cama me deixando a sua merce, mas isso éhostória para o proximo conto
«12»