1. O BURGUES E O SUBURBANO.CAP.6


    Encontro: 12/12/2017, Categorias: Amor, Paixão, Amizade, Gays / Homossexual, Gays / Homossexual, Autor: CASADO BI, Fonte: CasadosContos

    Eu e Marcelo ficamos uma semana sem nos falar, até que eu resolvi procura-lo, como sabia o horário que ele saia da empresa fui espera-lo numa sexta feira. Seria melhor não ter ido parecia que eu estava com um estranho na minha frente. _ E aí cara tudo bem com você? _ Tudo bom. _ Vamos tomar um chope, bater um papo. _ Hoje não vai rolar tenho esquema com a galera mais tarde. _ Então entra no carro eu te levo até sua casa. _ Não precisa, vou de ônibus. _ Você tá com raiva de mim Marcelo? _ Estou com raiva de ninguém porque não tenho motivo para isso. _ Então porque esta me tratando assim cara? _ Outro dia a gente se fala, agora tenho que ir, tchau. Foi dessa maneira que ele me tratou e se despediu de mim deixando-me encostado no carro, isso me deixou com ódio mas não dele e sim de mim, mas sua atitude serviu para abrir meus olhos que só enxergava o Marcelo legal e bom de cama, ele mostrou-me quem era realmente, entrei no carro e comecei rodar sem rumo. Não sei se foi consciente ou inconsciente mas acabei indo parar na frente do prédio do Jair que por coincidência estava chegando da academia. _Não acredito, você veio me visitar, depois de eu tanto chamar resolveu vir. _Na verdade Jair nem sei o porque vim parar aqui cara. _ Estou vendo que você não esta nada bem, desce do carro e vamos entrar para conversarmos. _ Deixa quieto, acho melhor eu ir embora. _Marcio se você for embora vou ficar muito puto com você, anda sai logo desse carro. Sai do carro e subi para seu apartamento. ...
    _ Vou tomar um banho rápido e já venho para a gente conversar, fica a vontade se quiser tem cerveja na geladeira. _ Hoje cerveja não vai fazer muito efeito estou precisando de algo mais forte. _ Por isso não, bem atrás de você tem varias bebidas fortes é só se servir. Ele foi para o banho de inicio não quis beber nada mas ao lembrar como Marcelo me tratou resolvi tomar uma dose de whisky, Jair voltou vestindo apenas um shorts e pude perceber que não usava cueca, ele sentou-se no sofá na minha frente. _ E aí rapaz o que aconteceu para você estar assim? _ Acabei de ser tratado como um lixo Jair, estou me sentindo o mais trouxa dos trouxas cara. _ Me explica direito o que aconteceu Marcio. Contei tudo para ele sem esconder nenhum detalhe, depois que terminei fui pegar outra dose de whisky. _ Cara só posso te dizer para esquecer esse cara se não tu vai sofrer ainda mais. _ É o que mais quero Jair só que eu amo aquele favelado, esses dias que não falei com ele foi muito foda para mim eu tinha vontade de ir atrás dele e eu pedir desculpas pela maneira que agi na roda de samba como se eu fosse o errado só para não ficar longe dele. _ Aí é de mais Marcio, você ir se humilhar para tê-lo perto de você é falta de amor próprio cara. _Mas a maneira que ele me tratou agora pouco me fez cair na real Jair, vou sofrer pra caralho mas não vou mais procurar o Marcelo. Fui pegar outra dose. _ Ei vai devagar rapaz não é enchendo a cara que vai passar o que você esta sentindo. _ Por favor Jair, ao ...
«123»