1. Um homem em nossa cama


    Encontro: 27/09/2017, Categorias: Fetiches, Autor: jrobsilva, Fonte: ContoErotico

    Eu trabalhava com Lico na mesma empresa. No final de expediente a gente tomava banho para irmos embora.Ele também era casado.Havia 4 boxes com chuveiros. Nesse momento estávamos somente eu e ele, quando fiz um comentário, tínhamos liberdade um com o outro, quando o vi nu caminhando para o banho, você tem uma bundinha gostosa, dá vontade de passar a mão. Lico respondeu, porque você não passa a mão aqui e vê se cabe na sua boca. Se virou e mostrou uma rola semi dura, super grossa. Um jumento.Já havia visto de relance, de longe. Sem encarar de perto.Passou muito tempo, ele se separou da esposa e comprou um sítio, passou a morar lá. Conversando sobre o sítio ele sabe que tenho um e gosto também de plantar alguma coisa.Convidei-o para conhecer e ver o que eu plantava e como eu fazia com as pragas.Comentei com minha esposa – falei de Lico e contei detalhe de como ele era.Tenho 50 anos, minha mulher também. Lico tem em torno de 40.Magda sabia de minha fantasia de transarmos com outro homem. Ela já havia reclamado do tamanho do meu pau. Pequeno. Ela gosta de grande e que doi.Falei com ela para recebe-lo naturalmente sem forçara barra. Não espantar. Iriamos chamar para dormir.Rodamos o sitio eu e Lico. Conversamos e trocamos informações. Ao entardecer, convidamos o para dormir no sitio conosco.Magda preparou um jantar gostoso e falou que iria servir apenas quando estivéssemos tomado banho.Pegou uma toalha e entregou para Lico. Mostrou o banheiro.Jantamos nós 3 e ficamos na mesa ... conversando, enquanto Magda arrumava a cozinha e de vez em quando entrava na conversa.A hora passou rápido. Quando assustamos jé era 10 horas da noite.Magda apareceu na sala de banho tomado vestida com um pijama de malha curto. Mostrando suas coxas grossas. Assentou numa poltrona de frente e não resistíamos, eu e Lico a dar uma olhada nas suas pernas.Lico ficou até meio sem jeito.Magda perguntou porque ele havia se separado da esposa. Ele explicou que brigava muito porque ela tinha muito ciúmes.Falei que não separava de minha mulher, Magda porque a gente se dá muito bem e somos muito liberais quanto a sexo. Que não perderia nunca.Me satisfaz como um verdadeira puta na cama. É muito gostosa. Magda até falou: nossa amor não precisa divulgar.Lico pediu licença para ir descansar e que tinha que sair cedo.Levantei e acompanhei até o quarto. Falei: É aqui. Pode ficar a vontade.Nosso quarto é aqui do lado. Se você ouvir nossos gemidos pode entrar e participar. Magda vai gostar da sua rola. Já falei com ela.Ele ficou sem graça e falou: tudo bem. Brinquei: vou passar a mão nessa bunda.Eu e Magda entramos no nosso quarto e deixamos aporta semi aberta. Apagamos a luz e começamos a bolinar.Após beijarmos muito na boca e ficarmos nus, deitei entre suas pernas e comecei a lamber e chupar sua xota. Magda suspirava alto quando eu enfiava a língua.De repente vejo entrar o Lico com sua tora dura e ficou bem perto da cama.Ele passou a mão nos peitos de Magda, depois passou a mão na xoxota e encostou ...
«12»