1. Minha Esposa e o Motorista do UBER


    Encontro: 13/09/2017, Categorias: Heterossexual, Infidelidade, Fetiches, Fantasia, Esposa, Aventura, Autor: Dominador, Fonte: CasadosContos

    Esse conto vai ser bem curto, mas foi uma maravilhosa aventura que aconteceu a poucos dias atrás. Eu sempre desafio minha esposa a andar por ai se exibindo. Eu estava voltando de uma viajem e pedi ela para me buscar no aeroporto de Uber, aqui em SP eles não estão pegando passageiros no aeroporto, então à pedi para pegar um Uber em casa e ir me buscar. Entretanto eu disse que era para ela ir com um vestido bem decotado e solto que ela tem, e não poderia estar com nada por baixo, sem calcinha e sutiã, dessa forma seus seios ficavam muito fáceis de serem vistos. O motorista iria se fartar olhando pelo retrovisor. Chegando no aeroporto chamei um Uber no meu celular para pega-la em casa, fiz isso para poder acompanhar o trajeto. O tempo passou e já estavam chegando, consegui avistar o carro de longe e já me preparei chegando mais perto da rua. De cara achei estranho, minha esposa estava sentada no banco da frente do carro, que parou poucos metros à minha frente, fui caminhando em direção ao parta-malas para guardar a minha. O motorista desceu para me auxiliar e mais uma vez fiquei espantado, minha esposa não desceu, continuou no carro, no banco da frente. Então entro no banco de trás pelo lado do motorista, ela vira para trás para mim cumprimentar. Nessa hora fiquei louco, ela estava muito sex com aquele vestido sem nada por baixo, seus seios estavam quase saltando para fora, não era preciso muito esforço para ver todo o seu seio. Inclinamos um para perto do outro para nos ... beijarmos. Antes mesmo do final do beijo um dejavu passa por minha mente, sinto novamente em seu beijo um gosto muito forte de pau. Ao motorista entrar no carro o beijo chega ao fim, minha esposa vem com a boca bem perto do meu ouvido e sussurra: Submissa: - A cada dia que passa vou fazer de você mais e mais um corninho bem manso. O que essa mulher esta fazendo? Foi a unica coisa que passou por minha cabeça. Após dizer isso ela se ajeita no banco da frente. Quando o carro sai mais uma coisa acontece, o motorista coloca sua mão na perna de minha esposa, esfregando os dedos em sua bucetinha. Fico sem entender nada, não era isso que eu queria. Quando saímos do aeroporto e entramos em uma avenida minha esposa simplesmente se debruça no colo do motorista e chupa seu pau fazendo muito barulho, acho que simplesmente para me provocar, fez isso durante todo o trajeto. Pouco antes de chegarmos ela se levanta e fala para o motorista, porem olhando diretamente em meus olhos: Submissa: - Quero que goze bem gostoso em minha boquinha, não vou deixar cair nenhuma gota. Que mulher é essa! Ela volta ao que estava fazendo e pelo que escutei o fez gozar em sua boca e engoliu tudo mesmo. Quando chegamos e o carro parou ela simplesmente se levantou e desceu sem dizer uma palavra. Eu desço pego minha mala e a encontro na porta do prédio. Ela me da outro beijo recheado de gosto de pau e logo me diz: Submissa: - Agora sempre vou te buscar no aeroporto. Não deixe de dar sua opinião. Obrigado!
«1»