1. Família Montegrande - Cap. 16


    Encontro: 08/09/2017, Categorias: Briga, intriga, Amigos, irmãos. família, Gays / Homossexual, Gays / Homossexual, Autor: Família Montegrande, Fonte: CasadosContos

    Cheguei de novo com a continuação por que siiim! Coração_Solitário: Olha esse negócio de ansiedade é complicado viu, ainda bem que eu não demoro tanto assim se não você estava lascado. Marcos Costa: Capaz viu! Os dois é complicadíssimo. Bonifácio: Obrigadooo pelo elogio! Estou me esforçando muito na escrita porque não é meu forte e é bom ver que está legal! Obrigado mesmo!! Gente, esse vai ser curto. Mais para vocês terem noção do que irá acontecer no próximo, mas pode deixar que eu compenso depois tá! Beijos e boa leitura! -- - Oi Lari. - Oi Caca, tudo bom contigo? - Sim, eu estou bem e você? - Eu também estou, queria dizer para você que eu fiz os dois se confessarem um pro outro já e isso ocorreu ontem à noite. Eles falaram um para o outro que se julgavam bissexuais, pois no final cada um assumiu que só ficou com um garoto. - Meu Deus do céu! Eles falaram de mim? - Então, um ficou muito feliz pelo o outro e disse que queria cada um conhecer a respectiva pessoa que o outro irmão gostava e o pior de tudo que o Ricardo soltou a merda da piada dizendo que ele mostrava a pessoa só que não era para ele roubar o amado dele. - Puta merda Lari! Então, eles viram que era eu a mesma pessoa já. - Não, para sua sorte eles decidiram não mostrar um para o outro na hora. Mas, falaram que iriam conversar mais tarde sobre isso. Pra mim, este é o momento no qual você tem que falar com o Ian ou até com o Ricardo. Na realidade eu não sei o que você vai fazer menino, por que você está muito ...
    encrencado e de uma forma que não sei como explicar. - Valeu pelo animo para me fazer falar hoje viu. - Estou sendo sincera, no final das contas eu vou sempre ser sincera. - Pior que eu sei! Vou ligar para ele mais tarde então ou acha que eu devo ligar agora? - Acredito que deva ser agora antes que esses dois se reúnam e mostrem um para o outro a sua foto. Já imaginou essa cena? - Nem quero imaginar, pior que nem tinha culpa disso tudo! Eles que cagaram tudo velho e eu me fodi nessa merda toda! - Quanto palavrão em uma frase só garoto. Bom, só quero dizer que não é pra você comentar que eu sei. Ricardo nunca me mostrou uma foto sua somente o Ian que fez que eu te conhecesse, então eu tenho que passar por desentendida e capaz de sobrar pra mim de qualquer forma por fazer com que os dois tivessem contado um pro outro. - Entendi! Você está certa, já basta à bomba pra mim você não precisa entrar nela. Deseje-me boa sorte porque irei ligar para o Ian agora. - Que Jeová dos exércitos te ajude meu filho porque você irá precisar! - Obrigado e tchau, tchau. - Bye! Fiquei cinco minutos com o numero do telefone do Ian na tela pra ligar, mas não arranjei força para fazer aquilo, pelo menos não naquele meio tempo. Desci, bebi um copo de refrigerante e voltei para o quarto. Peguei de novo o celular na mão e desta vez liguei de imediato, não que eu tenha criado coragem só por ter tomado um refrigerante, liguei de imediato porque estava com medo de ficar com o celular parado na mão mais um ano e ...
«123»