1. A honra do meu irmão


    Encontro: 11/08/2017, Categorias: Gays / Homossexual, Autor: osade, Fonte: ContoErotico

    Eu me chamo Thiago. Eu conheci meu irmão a pouco tempo, mas já somos muitos ligados. Nossos pais tiveram uma briga anos atrás e se separaram. Eu tinha apenas um ano de idade, enquanto que meu irmão Daniel já tinha oito anos. Minha mãe foi morar com meus avós em outro estado e depois de alguns anos conheceu um Uruguaio e assim nos mudamos para Montevidéu. Durante esses anos eu cresci longe de meu pai e irmão mais velho, mas de uma forma ou outra eu me comunicava com eles.Quando fiquei adulto, depois de me formar eu recebi uma proposta de trabalho no Brasil. Minha mãe estava feliz com o novo marido e eu já era um adulto, então não pensei duas vezes em voltar. Foi uma emoção reencontrar meu pai e meu irmão. Sr. Antonio estava bem mais velho e grisalho, já meu irmão tinha virado um belo macho, alto e forte. Daniel é branquelo, cabelo loiro e barba por fazer. Uma versão mais bela do meu pai, mas com a mesma cara fechada. Já eu me assemelho a minha mãe, sou mais baixo, não sou muito forte, mas tenho uma bela bunda.Os dois tentaram esconder suas emoções mas eu percebi o quanto eles tinham saudades de mim. Com a ajuda deles me estabeleci e encontrei uma casa. Meu irmão me ajudou a recuperar minha língua, já que meu português era péssimo. Desse jeito tínhamos sempre assunto para conversar. Ele me convidou para algumas festas e lá encontrei com uma amiga dele, Sara. Uma linda mulata, que eu fiquei perdido na hora. Com a ajuda do meu irmão eu me aproximei dela e logo já estávamos ... engatamos num delicioso beijo. Ali mesmo na casa do meu irmão, fugimos da festa e nos enfiamos num banheiro. Sem perder muito tempo tirei sua calcinha, levantei sua saia e a fudi sem dó. Meu irmão veio a nossa procura e nos achou transando. Nenhum de nós parou o que estávamos fazendo, apenas sorrimos para ele e eu continuei enfiando meu pau na buceta dela. Daniel ficou encabulado e saiu disparado. Foi inevitável começarmos a rir. Sara era demais. Dai pro namoro foi rápido.Eu estava feliz. Tinha parte da minha família de volta. Tinha uma casa e um bom emprego. Um irmão muito amigo e uma namorada gostosa e companheira. Não tinha como tudo melhorar, era o que eu imaginava. Eu tinha um relacionamento aberto com Sara. Eu sou bi e assim como ela eu adoro sexo. Então decidimos nos curtir juntos, mas aproveitar o sexo com outras pessoas quando a oportunidade rolasse. Um dia estávamos conversando por mensagem e ela me mostrando fotos de cara que ela tinha transado na noite anterior. Adorávamos fazer isso. Ela disse que o cara era muito bom de cama e na hora que vi a foto fiquei muito excitado, até que ela disse uma coisa que me deixou encucado."Se você olhar bem ele parece seu irmão", ela mandou. Eu olhei bem e realmente parecia. Meu pau estava duro, mas ao pensar naquilo eu parei. "Na hora que ele estava em cima de mim eu lembrei do seu irmão. Eu quis rir, mas o cara fudia tão bem que eu não quis parar", ela mandou novamente. Eu não sabia o que dizer, imaginar meu irmão transando não era ...
«1234»