1. AMOR DE PAI.


    Encontro: 17/06/2017, Categorias: Incesto, Autor: coach, Fonte: ContoErotico

    Meu nome é Othon, mas todos me chamam de Oto mesmo, tenho quarenta e dois anos, sou casado a vinte e um anos com a Isabel que tem quarenta anos. Temos uma filha com dezenove anos a Beatriz, a minha querida Bia, um morena linda, bem feita de corpo e muito extrovertida.Sou um pai e marido muito amoroso, sou atencioso com meus tesouros e tenho orgulho da minha pequena família. No casamento eu e minha esposa somos felizes, cúmplices em tudo, nos dois trabalhamos, eu sou engenheiro na área elétrica e a Isabel é enfermeira com especialização em UTI. Nossa vida de casados é boa e temos um sexo muito gostoso.Como pai posso dizer que amo minha filha, desde novinha a Bia nunca larga de mim, nos passeios, nas viagens e em casa mesmo, estamos sempre juntos, seja estudando, se divertindo ou apenas conversando. Minha esposa trabalha por turnos, tem semanas que trabalha durante o dia inteiro e de vez em quando pega turnos a noite; Não preciso dizer que odeio dormir sozinho nas noites em que a Isa está trabalhando. Mas quando isso acontece a Bia dorme comigo,isso desde pequena, nossa intimidade sempre permitiu e nunca nem pensamos, pelo menos da minha parte em alguma coisa maliciosa. O tempo foi passando e minha menina foi se transformando em uma mulher mas continuamos na maior inocência. No inverno dormimos agarradinhos porque ela tem muito frio, já no verão ela dorme de calcinhas e sutiã. Sempre achei isso sinal de uma boa relação entre pai e filha...Mas nos últimos tempos algumas ... mudanças ocorreram e acabaram culminando em uma alteração radical no nosso relacionamento. Quando Bia começou a namorar aos quinze anos e sair com as amigas eu até aceitei bem, foram muitos meninos que ganharam o coração da minha princesinha e ela teve os namoricos saudáveis da idade, os meninos e as amigas acabaram roubando quase todo o tempo que eu passava com minha filhinha, mas aceitei mesmo que com pena de mim mesmo...afinal a vida é assim, segue seu rumo!Mas ao completar dezoito anos, ocasião que dei uma festa sensacional para minha filha ela começou namoros mais sérios, agora vivia apaixonada e sempre aparecendo em casa com rapazes sarados, grandes e fortes. Foi quando algo mudou em mim, comecei a ficar chateado no início e com raiva mais tarde. Acho que não se tratava de ciumes apenas, coisa de pai para filha. O que mais me perturbava era a atitude dos rapazes, pegando ela, agarrando e beijando como demonstrando posse...e o pior, eu notava que minha filha adorava ser tratada assim pelos garanhões. Mas não ficou nisso! Do nada minha filha parou de dormir comigo, quando perguntei o porque ela me disse:-Ora papai...eu sou uma mulher agora! Isso não fica bem não acha?Juro que na hora fiquei envergonhado, pelo jeito dela falar e porque obviamente na frase estava implícito que ela estava transando..."eu já sou uma mulher"!Eu tinha visto e percebido mudanças mas só agora as coisas estavam mais claras. Recentemente observei ela de calcinhas e percebi que tinha depilado totalmente a ...
«1234»