1. Carente vai pra motel com amigo


    Encontro: 17/06/2017, Categorias: Com Fotos, Teens, Autor: adailsonfernandes, Fonte: ContoEroticoComBr

    Tinha terminado com meu namoradinho da adolescência. Era uma garota de 19 anos. Estava a quase um ano curtindo, mas praticamente sem sexo. Digo praticamente pra não dizer totalmente. Durante todos os anos que namorei tinha um amigo que dava em cima de mim. Assim que ele soube que eu tinha terminado com meu namorado, começou a insistir para sairmos. Um dia resolvi aceitar. Neste dia mesmo ficamos. Mas a história não passou de uns beijos. Continuamos nos vendo às vezes, mas era quase sempre no ônibus, e ele sempre me convidando para sairmos de novo. Um dia eu estava no meu trabalho e recebi um telefonema. Ele ia em uma festa de casamento e me convidou para acompanhá-lo. Me senti lisonjeada e aceitei o convite de pronto. A festa foi ótima. Percebia que ele não deixava o meu copo vazio. Mesmo entendendo as segundas intenções dele, resolvi fingir que não tinha percebido e entrei na brincadeira. Ao término da festa, ele tomou um caminho diferente do que tínhamos utilizado para chegar até o salão da festa. Achei meio estranho mas não falei nada, até o momento que vi o destino pretendido por ele. Paramos na frente de um motel. Ele me olhou e perguntou o que eu achava. Minha primeira atitude foi dizer não. Nesse momento ele me beijou, como ainda não tinha feito e daí eu pensei… Por que não? Não tinha namorado mesmo… ... Entramos… No quarto estávamos pouco a vontade. Acredito que por nos conhecermos há tantos anos, e mesmo assim ainda termos pouca intimidade. Estava um pouco nervosa também, pois até então eu só tinha transado com uma pessoa e poderia parecer desajeitada. Neste momento ele começou a me beijar. Começou pela parte de trás do meu pescoço, foi até a minha boca, depois de um beijo maravilhosos, desceu até os meus seios, percorreu a minha barriga até chegar na minha buceta, que nesta hora já estava toda molhada… e me chupou! Ai como ele me chupou!!! Depois de tantos meses sem sexo gozei rapidinho! Fiquei com tanto tesão que não resisti e comecei a chupá-lo também. Coloquei o pau dele na minha boca e forçava até a garganta. Nestes momento percebia que ele poderia gozar a qualquer momento, pois sentia o pau dele inchar dentro da minha boca. Já totalmente tomados pelo tesão ele me puxou pra perto dele e sem parar de me beijar me deitou delicadamente na cama, segurou os meus quadris e enfiou o pau dele na minha boceta. Já neste momento eu quase gozei. Nossa que sensação boa! Ele colocou o pau dele em lugares que eu nunca tinha sentido. Nunca tinha sido fodida de um jeito tão gostoso. Transamos em todas as posições possíveis. Eu não conseguia parar de gritar. Parecia que ia explodir de tanto tesão. Até o momento que gozamos juntos.
«1»