1. Não Aluguei o Apto,Mas Trepei Lá Dentro.


    Encontro: 17/06/2017, Categorias: Heterossexual, Autor: Jaytson, Fonte: ContoEroticoComBr

    Depois de ler vários contos e fantasiar com os casos alheios,é minha hora de deixar a preguiça de lado e falar de minhas histórias sexuais também,pois afinal estamos na época do “share”,ou seja,a ordem é compartilhar..então,já que é assim,lá vou eu.. Estava procurando um apartamento pra alugar.Como já estava com casamento marcado,a cada dia,ficava mais ansioso por ainda não saber onde morar após o sim diante do juiz.Pois bem,minha noiva,Marta,tinha 25 anos-Hoje tem 28- uma morena de 1.67,cabelos negros até o meio das costas..coxas grossas,um olhar sensual e uma bunda que vários homens gostariam de comer.Era ela quem ficava indo de apto em apto procurando aquele que seria o ideal,pois eu não tinha tempo devido ao trabalho.Só que teve um dia que Marta me pediu para passar numa imobiliária para pegar as chaves de um apto que ela visitaria no horário do almoço;então pensei: Se é na hora do almoço e aqui perto,dá pra eu ir… Assim sendo,ela passou no meu serviço e fomos juntos verificar de perto se aquele seria o imóvel que iríamos em breve morar. Lá chegando,percebemos o quão grande e espaçoso era o apto..muito bem conservado,mesmo sendo num prédio antigo.Olhamos cada detalhe.Onde ficariam cada um dos móveis em seus respectivos cômodos..sentíamos que ali tinha tudo pra ser nosso lar. Depois de 20 min.observando tudo,estávamos decididos:seria aquele;e para comemorar a escolha,demos um beijo..simples,do tipo mais pra dizer que beijou mesmo..só que aí,as coisas mudaram..por um ... instante,fração de segundos,me veio um frenesi..caí na real que coisas boas poderiam acontecer ali dentro,porque nenhum corretor viera conosco e nem porteiro o prédio tinha..Dessa forma,o beijo ficou mais intenso e molhado..Marta correspondia a minha língua cada vez mais atrelada à sua.Comecei a apertar seu corpo junto ao meu..nossa respiração ficava cada vez mais ofegante.Com o tesão já tomando conta de nós dois,a colcoquei virada pra parede da sala,beijava sua nuca,acaricava seus deliciosos seios,deixando os bicos enrijecidos..ela estava entregue.Como estava de calça jeans,me ajoelhei e comecei a tirar e ao ver aquela bunda carnuda e gostosa diante meu rosto,comecei a lamber,morde..ela rebolava na minha cara,me chamando de gostoso safado..tirei sua minúscula calcinha e comecei a chupar a buceta e cu simultaneamente..aquela situação me excitava muito,jamais imaginaria que uma visita a um imóvel pra alugar daria naquela sacaanagem toda.. Depois de lamber a buceta e o cu dela,levantei-me de pau duro e engatei dentro daquele poço inundando de desejo que se trasnformou aquela xota..em movimentos de vai vem,freneticamente a empurrava contra a parede,fudendo-a com vontade..como a janela da sala estava aberta,tinha um predio em frente na mesma situação..ou seja, a possibilidade de alguém aparecer ali e ver a gente fudendo,deixava a situação ainda mais excitante..só sei que depois de ficar naquela posição,onde empurrava meu pau dentro dela,enquanto apertava seus seios e falava putarias ao ...
«12»