1. O flagra da sogra


    Encontro: 13/06/2017, Categorias: Incesto, Autor: jonaspedro77, Fonte: ContoErotico

    O flagra da sograConforme já contei tenho duas mulheres, minha esposa e minha enteada, somos um casal tri como elas brincam, e nos amamos muito. A sociedade ve isso como imoral, mas trato minhas mulheres como rainhas, elas são amadas e idolatradas, mas isso somente da porta pra dentro de casa, na rua somos uma família normal, inclusive para a família dela, porém, tudo mudou quando numa manhã minha sogra entrou em casa sem avisar, moramos no mesmo bairro e minha esposa esqueceu suas chaves na casa dela no dia anterior, ela querendo ser engraçadinha entrou e nos flagrou pelados na cama, fez um escândalo, deu um trabalho do cão fazer ela ficar quieta, mas demos um jeito. Passaram dias em que ela sumia, era viúva há 10 anos já, estava com 62 anos, era bonita de rosto, tinha um bundão e peitões, pouca barriga mas não queria mais saber de homem, o marido era alcolatra e ela sofreu a vida toda com isso. As vezes parecia que ela queria atrapalhar, porque vinha todas as noites em casa, eu gostava dela, conversávamos muito, e como ela já sabia do nosso modo de vida, via sempre minha enteada ne beijar na boca na hora de deitar. Por causa dessas visitas montamos o quarto da Marcinha de novo, ai a sogra dormia la, mas na madrugada a menina fugia e vinha transar comigo e com a mãe, e numa dessas madrugadas minha sogra a seguiu, ficou na porta enquanto eu comia minha mulher de quatro, fudia com força enquanto a enteada ficava se masturbando, e a menina é fogo, viu a avó ali parada e fez ... um gesto para ela vir perto da cama, sentou a velha na poltrona e deitou comigo, empinou a bundinha linda e enfiei um dedo no seu cuzinho, minha mulher começou a gozar e desabou, parti pra cima da menina e cravei na sua bunda, ela gemia alto e olhei pra minha sogra, que apertava os seios com a mão, vidrada na netinha sendo enrabada, minha mulher viu e ficou assustada, fiz com a mão que não dissesse nada, comi minha enteada com gosto aquela noite, gozei um litro no seu cuzinho, cai entre elas e apaguei, ainda vi minha sogra saindo do quarto e apagando a luz. Aquilo virou rotina, transavamos com ela em casa normalmente, ela assistia a tudo, até que minha mulher comentou comigo que a mãe já estava curtindo ver a gente juntos, que naquela tarde agradeceu por deixar ela nos ver de verdade, que entendia que tinha amor ali, que eu era um homem de sorte e que elas tb eram, porque não tinha promiscuidade ali, apenas amor e sexo. Não entendi muito bem a narrativa e perguntei: ela quer brincar com a gente? Minha mulher ficou pensativa e disse que não tinha visto daquela forma, não tinha pensado nas intenções da mãe, mas me disse que nos saberíamos se ela queria isso, pq minha sogra não é de pedir, vai e faz. Numa noite minha enteada foi dormir na casa de uma amiga para viajarem na manhã seguinte, minha sogra chegou, jantamos, vimos tv e la pelas 23:00 deitamos, começamos a nos beijar e em pouco tempo ela entrou, sentou na poltrona e ficou ali olhando a gente, sem dar uma palavra, minha ...
«123»