1. Nossas mulheres são dadivosas… qual foi a última dádiva delas?


    Encontro: 12/06/2017, Categorias: Traição / Corno, Autor: kaplan, Fonte: ContoEroticoComBr

    (escrito por Kaplan) Mais uma reunião do grupo de amigos do clube. Depois de várias rodadas de cerveja, os mais recônditos segredos vinham à tona. E dessa vez comentamos o que nossas namoradas e esposas andavam aprontando de interessante. 1. A minha deu prum amigo na minha frente – O primeiro a falar foi o Mauro, casado com a Ana Paula. – Estávamos com um amigo em casa e bebemos todas. E a Ana Paula é muito fraca pra beber, ela fica tonta muito rápido e naquele dia aconteceu isso. De repente ela saiu da sala, demorou um pouco a voltar, e voltou vestida com um robe. Olhei pro meu amigo, ele olhou pra mim, e nossos olhares eram interrogativos. O que a teria levado a tirar o vestido e colocar o robe? Mas logo ficamos sabendo. Ela já estava meio trôpega, rindo sem parar, sinal de que já havia bebido o suficiente. E sabem o que ela fez? Ajoelhou no sofá, ao lado do meu amigo, olhou bem pra ele, abriu o robe e se mostrou só de lingerie. E falou: “Eu sei que você é doido pra me comer… então me coma!” Ele arregalou os olhos e olhou pra mim. Eu, sabendo que era verdade, ele era louco com ela, fiz o sinal de positivo. “Vá em frente!” Ele tinha de ir mesmo, porque ela já estava tirando o sutiã, mostrando os seios pra ele… ele então tirou a calcinha dela. E ela provocava: “Sou o que você imaginava?” e ele disse que era muito mais! “Me mostre o que você tem de bom”, disse ela. E não esperou ele mostrar, já foi abrindo a calça dele e pegando no pau e chupando. E aí, meus amigos, rolou ... de tudo: ele a comeu de ladinho, de quatro, ela cavalgou, de quatro novamente, quando ele gozou. Eu não sei se ela gozou, ela simplesmente desabou no sofá e dormiu. O meu amigo me pediu desculpas, eu disse que não tinha qualquer problema. Ele foi embora, ela continuou ali, eu a cobri e fui pra cama. De manhã, ela acordou numa ressaca brava e foi pro quarto, me acordou e perguntou o que ela estava fazendo dormindo pelada no sofá. Eu contei e ela disse que não acreditava… 2. A minha atacou um vizinho nosso – Anderson nos contou de sua esposa, que estava fissurada num novo vizinho. – Maristela estava impossível, o novo vizinho mexia com os instintos mais primitivos dela. Só faltou me pedir para falar com ele… e é claro que eu não iria fazer isso! Então ela resolveu agir por conta própria. Ele é solteiro, mora sozinho, o que facilitou a vida dela, não tinha que se preocupar com esposa furibunda… mês passado, numa sexta-feira, ela me disse que iria dar um xeque-mate nele na manhã seguinte. O que eu podia fazer, além de desejar boa sorte a ela? Nada, né, so esperar ela voltar para me contar se havia tido sucesso. Nem precisou falar. O sorriso com que ela entrou em casa dizia que tinha tido muito sucesso sim. Ela me contou basicamente o seguinte: “Querido, foi bom demais. Fui lá decidida, você está vendo como estou vestida… um shortinho bem curtinho e essa blusa e pode ver… sem nada por baixo. Ele me recebeu bem, me levou a sentar no sofá da sala, por sinal, um belo sofá e uma bela ...
«1234»