1. O padre tirando a inocência de Ana


    Encontro: 11/06/2017, Categorias: Virgens, Autor: aspireboy, Fonte: ContoEroticoComBr

    Padre Nando era jovem e conduzia as missas com responsabilidade, e com um pouquinho de sacanagem , tinha umas coroas que ia se confessar e falavam as barbaridades que faziam na cama todas as putarias, mas padre é padre e não pode falar o que ouve delas. Aquelas mulheres vinham pra igreja com decotes que chamavam a atenção do padre. ele sempre acompanhava o pessoal nas viagens da igreja. e nessas ele conheceu uma formozina uma senhora muito alegre. Nas missas ele viu formozina chegar com a sobrinha dela, uma jovem bonita, loira, cintura fina peituda quadris largos.ao final da missa formosina trouxe a sobrinha pra apresentar ao padre ela era conhecida como aninha, da casa paroquial o padre via ela passar na rua fazendo caminhada com roupinhas coladas o padre ficava babando. Ela acenava pra ele. A moça era tentação pura. As vezes ela passava de bicicleta com a bunda empinada o padre ficava encarando aquele rabo, ela notava as olhadas do padre já que ele não disfarçava. um dia ela apareceu na igreja com a tia. Em quanto a tia dela rezava. Ela foi procurar o padre, ela escutou um som de piano vindo da sacristia e quando abriu a porta viu o padre tocando ela ficou olhando e quando ele parou ela aplaudiu. Aninha_ nossa que lindo, ano sabia que o senhor tocava. Padre_ já faz um tempo que eu toco. Aninha_ eu acho lindo quem toca um instrumento, é difícil tocar? Padre_ você quer tentar? A afastou dando lugar pra ela dividir o banquinho do piano com ele. O padre nem acreditava que ... aquela gostosa estava ali com ele. Aninha_ ela disse eu nãos ei por onde começar. O padre pegou nas mãos dela e pra botar as notas. Era inevitável não notar aquele decote, os peitões que ela tinha. Ela olhava com cara de meiga atenta ao padre. ele olhava pra ela e pra os peitos dela. ate que a tia dela chamou e ela se levantou e disse que adorou a aula. Depois da missa no domingo aninha e a tia dela procuraram o padre. Formosina_ minha sobrinha disse que o senhor toca piano, é verdade? Padre _ sim senhora. Formosina_ ela disse que gostou, eu queria saber se o senhor poderia dar umas aulas a ela? Ela encarava o padre com uma cara de safada. O padre disse que ela poderia aparecer pra ter aula no meio da semana. Foi dito e feito ela apareceu pra aula, e quando ela apareceu o padre não acreditou no que viu, ela sempre usando roupa decotada, aqueles peitões pareciam saltar da roupa e usava saia acima dos joelhos. ela cumprimentou o padre e sentou dividindo o banquinho do piano com ele. Mais uma vez ele tomou as mãos dela pra posicionar as notas. Inevitavelmente admirava aqueles peitões. Ela fazia de proposito sopra provocar o padre. depois de mostrar a ela algumas coisas do piano ele encerrou a aula e passou umas coisas pra ela estudar. Na semana seguinte ela leva um biscoito pra lanchar após a aula. Toda vez ela senta naquele banco o padre mostra a notas que quer que ela toque. O padre não sabe se olha pra o piano ou pra os peitões dela. quando fizeram uma pausa ela pegou o biscoito e ...
«1234...9»