1. João e o Pé de Feijão - 18


    Encontro: 08/06/2017, Categorias: amor secreto, Namoro, Brigas, Tristeza, separação, Amigos, Gays / Homossexual, Gays / Homossexual, Autor: Tazmania, Fonte: CasadosContos

    Esse ficou menorzinho, mas ta valendo né? kkk Grande beijo a todos e até segunda. x x x Em São Paulo Bruno e Philipe viviam o primeiro fim de semana de seu namoro na praia. No sábado de manhã eles fora de moto para o sul e ficaram em um hotel top. Eles chegaram e foram direto para a praia. Passaram a manhã toda na água, brincando e tomando sol. Depois foram almoçar em um restaurante na beira da praia. A tarde ficaram na piscina do hotel, seguindo a noite para uma baladinha, lá dançaram e beberam o suficiente para perderem um pouco o pudor, tanto que Philipe o beijou no meio de todo mundo. Isso impressionou Bruno, por perceber que Lipe queria ficar com ele independente do que aconteça, e o fez tomar uma decisão. Naquela noite, ao chegarem no hotel, eles fizeram amor pela primeira vez. Philipe estava tomando banho e pensando se ele estaria sendo apressado ao querer transar com seu namorado. Do lado de fora, Bruno estava com a mão na maçaneta, pensando o que Philipe iria achar dele, mas o tesão e o amor que sentai pelo novo namorado falaram mais alto e ele abriu a porta. - Lipe. - Oi amor, pera ae, estou tomando banho. – falou ele se cobrindo. - Posso tomar banho também? - Claro! Ele desligou o chuveiro e foi até o namorado. Deu um beijo nele e começou a tirar sua roupa. Bruno pôs a mão em seu peitoral definido e ficou acariciando. Quando Bruno já estava nu, entraram os dois no box e Philipe começou a dar banho no namorado, lavando cada pedacinho dele. Deu uma atenção especial ... a bunda dele e não aguentou, quando o viu todo empinado, ele ajoelhou e afundou sua língua na bunda do Bruno, fazendo-o gemer alto. Depois eles foram para o quarto e lá o Bruno tomou conta da situação. Ele deitou na cama o chamou, o Philipe pelado era uma escultura grega, lindo demais. O sexo entre os dois foi tranquilo, com muito beijo e mais romântico impossível. Foi realmente uma experiência boa para os dois, ambos gozaram muito e não queriam mais sair da cama. No outro dia ficaram a parte da manhã toda na praia e a parte da tarde na cama, brincando um pouco mais. No final da tarde eles pegaram a estrada, pois Bruno queria ainda Ele mesmo não entendia por que não queria que Otávio soubesse, talvez fosse o medo dele quebrar a cara do atual namorado, coisa que ele poderia fazer, mas também medo de “perder” seu amigo. O que ele estava sentindo por Philipe era forte, arrebatador, mas só em pensar no Otávio já sentia seu coração apertar e uma saudade de algo que ele nem sabia explicar, só sabia que não queria o amigo longe, precisava dele. Mas as coisas nem sempre são como queremos. Chegando ao apartamento resolveram ficar um pouquinho mais no carro, namorando, sabendo que não se veriam até o dia seguinte. Bruno: O fim de semana foi maravilhoso, realmente parecia que eu tinha ganhado vida nova. Estava tão feliz que nem se importava mais em esconder o que sentia, com quem estava, estava tão feliz que nem se lembrou do amigo de infância, a não ser na hora de ambos voltarem para a ...
«1234»