1. Militar dominador nato dominando mulher de corno .


    Encontro: 06/06/2017, Categorias: Sadomasoquismo, Autor: dommilitar, Fonte: ContoErotico

    Olá, sou um macho dominador viril, militar, moreno, 1,85 m, 95 kg, com 20 cm de caralho grande e grosso, 46 anos.Eu sou um instrutor de ordem unida e tiro, num departamento de instrução aqui então São Paulo, e a cada quatro meses sempre tem um turma nova, com formaturas pois bem no ano passado, neste formaturas aparecem mulheres e casais dispostos a querer fazer amizades e algo mais.Um dos formandos de nome Henrique me apresentou seus tios e padrinhos de formatura o Carlos e a Adriana sua esposa por sinal bonita e gostosa.Bem o Henrique nos apresentou e saiu nos deixando ali sozinhos e conversando no começo conversando sobre todos os assuntos depois da formatura ter acabado já coquetel, o assunto parou em sexo.O Carlos e Adriana mais soltos pelas cervejas, me confidenciaram o desejo do casal, que os dois eram submissos, que tinha o desejos de serem dominados os dois por macho dominador e militar, eu falei ao casal que já curtia ménage e dominação a 10 anos.Me confidenciaram que sempre tiveram este desejo mais nunca foi possível realiza-lo, quando apareceu este oportunidade deles serem o padrinho do Henrique eles sentiram que este era o grande momento deles.O Carlos e Adriana já tinham me observado dando instruções aos formados e os dois se sentiram ali que eu seria o macho que os dois estavam procuram pela minha liderança ali com os formando inclusive na voz de comando com eles.Então os dois perguntaram ao Henrique se ele podia me apresentar a eles, então na primeira oportunidade o formando me apresentou aos seus tios.Como naquele eu estava de serviço não foi possível de se iniciar nada.Nós marcarmos de nos encontrar no dia seguinte no Shopping Paulista às 14:00 hs do sábado, eu cheguei as 13:50 hs, eles chegaram logo em seguida, preocupados em não se atrasar, já temendo que eu fosse embora.Nos comprimentamos dei uma beijo no rosto da Adriana, nos sentamos e começamos a conversar.continua.
«1»