1. AJUDANDO MINHA AMIGA DÁ O TROCO NO MARIDO TRAIDOR.


    Encontro: 05/06/2017, Categorias: Lésbicas, Autor: nandinhataxista, Fonte: ContoErotico

    AJUDANDO MINHA AMIGA DÁ O TROCO NO MARIDO TRAIDOR.Como prometido no conto anterior, aqui esta como Lia se virou com seu marido.Naquela mesma noite começamos a conversar sobre a sua situação._ Lia o que você pretende fazer de agora em diante?_ Em primeiro lugar só vou voltar nesse domingo á noite, com certeza ele deve estar louco a minha procura._ Amiga você não tem medo de ele te agredir?_ Ele nem é louco, conhece o meu padrinho, sabe o quanto gosta de mim além de ser ex policial, e também tem os amigos dele, viu como estou cercada de pessoas para me protegerem.Com isso eu fiquei mais tranquila sabendo que o maridão agora corno, também tinha medo de homem. Inclusive por ser um funcionário com cargo de chefia em gabinete, não poderia se envolver com escândalos._ Nanda eu já bolei um plano, mas só o farei quando chegar em casa, vai ser de improviso mesmo._ Amiga além dessa garota que viu ele entrando no motel com outra, você tem mais provas de que ele esta te traindo?_ Só o bilhete que encontrei outro dia no bolsinho da calça dele._ Lia isso só não adianta muita coisa não, você sabe como é a justiça aqui no nosso país.Eu prometi que ia lhe ajudar. Na segunda feira eu iria entrar em contato com um amigo, pra conseguir um gravador espião e ajudaria ela montar na linha telefônica da sua casa.Lanchamos e voltamos pra cama nos divertir.Lia muito curiosa queria saber detalhes da minha vida, quem eu trazia pra casa como eram as pegações por ali com aquela cama enorme._ Nossa Lia, eu ... não costumo falar da minha vida particular. Mas o que você quer saber?_ Nanda você é muito quente e sabe agradar uma mulher, com certeza deve rolar muita sacanagem nesse quarto, né?Eu tive que dar uma gargalhada, até mesmo para disfarçar o meu nervosismo._ Lia eu sou tranquila, não trago qualquer pessoa aqui em casa, sou seletiva amiga._ Mas você com certeza já fez suruba aqui, né?Só rindo da curiosidade da Lia._ Suruba, suruba mesmo não, aqui não entra homem, mas já estiveram aqui algumas meninas para uma madrugada de prazer, inclusive tenho duas amigas que estão sempre aparecendo, são amigas de velhos tempos de sacanagem feminina._ Sabe Nanda depois que eu experimentei com você, eu gostaria de ter essa experiência com mais duas mulheres ou até mais de três._ Calma sua putinha depravada, você é muito gulosa e com um grelo deste tamanho não vai sobrar nada pra mim, vou perder a clientela._ Nanda você sabe que papai do céu não da asa a cobra, imagina você com o meu piruzinho, não ia mais trabalhar, só ficaria na sacanagem, teriam que distribuir senha aqui.Nosso papo foi ficando cada vez mais gostoso, mais eu ainda tinha muita coisa pra fazer com a Lia.Retiramos os copos e pratos de cima da cama e começamos a nos beijar, suavemente como duas namoradinhas apaixonadas, depois aceleramos nas preliminares, até que em determinado instante eu quis experimentar a potencia daquele grelo na minha bucetinha, ensinei como deveríamos fazer uma tesoura.Ao encostarmos nossas bucetinha uma na ...
«1234»