1. Minha quase primeira vez!!!


    Encontro: 04/06/2017, Categorias: Virgens, Autor: Jo1, Fonte: ContoEroticoComBr

    Bom como é o meu primeiro conto vou começar com a primeira vez que tive qualquer contato com sexo. Foi a alguns meses atras, fui convidada para ir a uma festa com um grupo de amigos, foi ai que conheci Lucas um baixinho cheio de atitude ( rsrs)e que tinha uma pegada que ate hoje me deixa sem ar. Vale lembrar que nao sou de se jogar fora (rsrs) com meus 1.58 de altura e 65kg, seios,bunda eprrnas grandes por conta da academia. Voltando ao assunto chegamos a festa era quase meia noite e comecamos a beber e dançar, confesso bebi alem da conta e me deixei levar facil. Foi ai q o Lucas chegou perto de mim e comecamos a conversar, foi quando minhas amigas me chamaram pra ir pegar mais bebida e quando eu dei as costas pra ele , ele me puxou pelo braço e me deu um beijo ali mesmo que me esqueci ate onde eu tava (rsrs). Começou a beijar meu pescoço e passar a mao pelo meu corpo e me chamando pra ir pra um lugar mais afastado da festa. Confesso nao resistir a “mao boba” dele (rsrs) e fomos pra perto de umas arvores que tinha porerto. Ele ja me jogou na agrama r e deitou em cima demim levantou minha, blusa afastou meu sutiã e começou a chupar meus peitos q ja estavam durinhos. A todo momento falava no meu ouvido o quanto eu era gostosa, e foi descendo pra baixo ate chegar na minha buceta abriu os botoes da calça abaixou minha calcinha e foi chupando minha bucetinha que ja estava toda molhadinha. Foi tirando akele pau enorme pra fora e foi forçando a entrada demais na minha buceta apertada. Qdo ele conseguiu meter apenas a metade eu nao aguentei doeu mto e pedi pra tirar pois estava cm medo de alguem aparecer ali e ver aquela cena. Ele entao me pediu pra pelo menos pagar um boquete pra ele e eu meia sem jeito enfiei tudo aquilo na boca nao sei nem como coube na minha boca (rsrs), chupei ate ele goza na minha boca . Nos vestimos e voltamos pra festa. Outro dia ele tirou minha virgindade so que essa historia fica pra outra hora… Bjs
«1»