1. A garota de meu irmão, eu e ele...um pouco só!


    Encontro: 04/06/2017, Categorias: Lésbicas, Autor: camaleaovip, Fonte: ContoErotico

    Eu estava, em meu quarto, organizando, minhas roupas, separando que não iria mais usar, pois pretendia renovar o armário. Não era uma garota consumista, não, isso eu não era, gostava de ter as peças da moda, porém não necessariamente, as do momento. Costumava, formar meu look, improvisando e me saindo muito bem com isso. Madalena, a garota, gostosa e muito bonita, que era minha melhor amiga e tinha uma tara por meu irmão, estava me ajudando. Lena, como a chamava, era um a garota que chamava a atenção, sobre si, por uma série de peculiaridades. Uma delas, era o fato de ser, muito calada, não se manifestando, mesmo que a casa onde estivesse,fosse tomada pelo fogo. Outro fator que a tornava especial, era o fato de nunca se achar uma garota desejável, razão pela qual se encolhia em um canto, ficando só observando o que acontecia ao redor. Meu irmão, Paulo, gostava dela, mas apesar de ser bem atirado, não se aproximava dela, a não ser como amigo. Sabendo que ela tinha uma tara por ele, resolvi dar uma de fada madrinha e os aproximar. Porém estava difícil. Eu já não aguentava mais e tinha tomado uma decisão, que ira ser muito arriscada, mas tinha que tomar, quando a chance se apresentasse. Depois que selecionamos tudo que tinha que ser rifado dali, fomos jogar conversa fora e senti vontade de mostrar a ela uma coleção de objetos sexuais que eu tinha para uma diversão solitária, quando assim se fizesse necessário, o quê para Lena fora algo de anormal, vindo de mim:__Mas para que ... você mantem isso dentro de seus quarto? Não me parece que, um cara vai recusar a ter uma relação com você, no momento que você desejar. Se fosse comigo, poderia até ser mas, mesmo assim, eu não utilizo destes artifícios, então por que você?__Gosto, nada mais que gosto e uma certa necessidade. Via que num dia chuvoso eu esteja com o tesão a flor da pele sem querer sair de casa. Entende? É só pegar um desses brinquedinhos e divertir minha xoxota.__Para que serve isso - disse pegando um plug anal.__Adoro senti-lo, atrás. Ela olhou para o instrumento e sorriu com ar de dúvida.__Você coloca isso no cu? Duvido! Peguei um tudo de lubrificante e mais que depressa, abaixei o short e como não usava calcinha, minha bunda se expôs.__Que vai fazer?__Vou lhe mostrar que ele entra em meu, rabo. - disse me estirando de bruços sobre a cama. - Passa o gel em meu rabo.__Ma-mas, por que você não o faz?__Gostaria que você o fizesse ou esta com medo de tocar em meu rabo?__Olha, Bia, eu acredito em tudo que você falou, não precisa provar nada... - se esquivou, mas eu estava a fim de me aproximar de forma mais intima daquela amiga, que eu desejava muito levar para a cama.__Deixa de bobagem garota, separa as minhas nádegas e lubrifica o meu rego e cu. - disse-lhe, dando uma empinadinho no traseiro. Eu estava com a boceta contraindo muito, na expectativa do que iria acontecer.- Vamos, nada de vergonha, ou você acha que tenho um rabo feio?__Pombas, Bia. Você sabe que todos consideram você um tesão de ...
«1234»