1. Thithi et moi, amis à jamais! Capítulo 131


    Encontro: 27/05/2017, Categorias: Gays / Homossexual, Gays / Homossexual, Amor, Vida, almas gêmeas, bruno, Pi, Dudu, Alan, Irmãos, Amigos, vida feliz, Aniversário, Romance, amor para a vida toda, Familia, Filha, amor maior que existe, pais, Autor: Antoine G, Fonte: CasadosContos

    - Primo, eu tenho que te contar... - Ai, o quê? - Sobre ontem à noite. - Tu e o Dudu enfim transaram, ok, eu já soube... Danadinho! – Eu comecei a apertar a bochecha dele - Ele te contou? - Contou! - E o que ele achou? - E eu sei? - Bora, Antoine, me fala, eu sei que tu sabes. - Pierre Guimet deixa de ser pateta. Analisa a situação... - Não entendi... - Como o Dudu acordou? - Bem, eu acho. - Ai, mas é muito tapado mesmo, viu? Tu viste como ele estava todo feliz, todo bobão? - Aaaah, eu percebi. - Pois é, ele tá tipo tu, entendeu? - Isso quer dizer que ele gostou? - Ai, meu Senhor! É CLARO QUE SIM, PI! - Primo, foi tudo tão lindo, ele é maravilhoso e tem... - Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah eu não quero saber! Não me conta os detalhes! Não quero saber como o Dudu é. Pode parar! Ele começou a rir. - Gente, qual a necessidade de vocês de me contarem essas coisas? - Se a gente não te conta tu surtas e se a gente conta tu surtas também.... Vai entender! - Me contem, eu quero saber, mas os detalhes sórdidos a gente não conta, né Pi? Por favor! - Tá, tá, tá! Sem detalhes sórdidos. – Ele estava elétrico – Primo, ele é tão lindo. Ele foi paciente, romântico, sensível... tudo o que eu não encontrei na França. - Meu irmão é 10 mesmo! Ele tem um coração quase tão grande quanto o do Bruno. Parece que alguém se apaixonou realmente, não foi? - Olha, não vou mentir, eu estou realmente apaixonado por ele. E não é só o coração que é grande... – Ele disse com carinha de safado - SEM DETALHES! ... NÃO QUERO SABER COMO MEU IRMÃO É! Ai, credo! - Bobo! - Mas me diz uma coisinha só... - O quê? - Ele foi ativo, passivo... - Sem detalhes sórdidos! – Ele disse cruzando os braços e me imitando - Agora tu vais me contar, Pierre Guimet! Não estava todo afoito aí querendo contar tudo? - Ele foi só ativo! Vamos com calma, ele parece ser bem curioso para tudo... - Curioso ele é mesmo! Bom, mas que bom que vocês estão felizes!! Que essa felicidade toda seja multiplicada, triplicada. Que vocês possam ser muito, muito, muito felizes juntos. - Olha, se alguém me perguntar se eu me arrependo de ter saído da Europa e ter vindo para o Brasil, eu com certeza diria que não. Eu sei que há uma diferença gigantesca social, cultural, econômica e tudo mais, mas é aqui que eu me sinto feliz plenamente, sabias? Se eu soubesse, eu teria vindo pra cá na primeira vez que tu me convidaste. - Tá vendo, quem mandou não me ouvir? – Eu disse rindo – Tudo tem sua hora certa, Pi. Se tu tivesses vindo antes, tu não terias ficado com o Dudu, sabias? - Por que não? - Esqueceu que ele era “hetero”? - E o que que tem? - Tem que ele nunca tinha ficado com um cara, ele só ficava com mulheres. - Tu achas que ele prefere ficar com mulheres? - Ai, Pierre, deixa de ser besta! Para com essa insegurança toda, ele gosta de ti, ok? E eu ouso a falar que ele também está apaixonado por ti. Para com essa coisa de saber se ele gostou de ficar com um cara, se ele prefere mulheres. Vive a história, primo. Vive enquanto durar, ...
«1234...7»