1. A primeira vez, é inesquecível.


    Encontro: 24/05/2017, Categorias: Com Fotos, Virgens, Autor: Gina.Ljen, Fonte: ContoEroticoComBr

    Eu sempre fui a menina delicada e meiga, porém, por trás da minha timidez há uma personalidade extramamente fogosa. Tive meu primeiro namorado aos 14 anos, ele ia na minha casa todos os fins de semana, não rolava nada mais que beijos no sofá da sala, e ás vezes quando meu pai não estava por perto ele me puxava para o colo dele e eu podia sentir o pau duro dele, e nunca passou disso. Na minha festa de 15 anos eu comecei o meu segundo namoro,ele era um cara muito gostoso, e nosso namoro não durou mais de um mês, mas uma única vez ele foi na minha casa quando meu pai não estava e eu cheguei a ficar sem minha blusa, mas eu não tive coragem de continuar, mas por muitas noites eu sonhei com os braços dele me tomando e me agarrando, arracando minha roupa, tocando meu corpo e me tornando uma mulher. 3 anos depois eu comecei o meu namoro atual, com uma cara exatamente como diz a música: “moreno, alto, bonito e sensual”; eu já estava mais “desenvolvida”, meu corpo está totalmente diferente, comecei a fazer academia, pintei o cabelo e mudei totalmente o visual, me tornei o sonho de qualquer homem, pele dourada, bariga chapada, bunda e coxas torneadas, seios fartos e cabelo castanho comprido até a cintura… Dois meses depois de começar a namorar com esse cara, ele me levou pra conhecer a família dele e me mostrou o lugar favorito dele: a cobertura da casa dele. Nós dois ficamos lá por umas duas horas num clima totalmente romântico, mas ele sempre me respeitou, até que um beijo quente me ... desarmou e quase que nós tranzamos lá. No outro dia, saímos pra passear no parque e á noite tinhamos uma festa pra ir. Quando voltamos do parque pra minha casa pra trocar de roupa, meu pai não estava em casa, e eu estava me arrumando no meu quarto e ele no do meu irmão. Eu estava só de calcinha e sutiã colocando o meu vestido até que ele aparece na porta do meu quarto totalmente nu. Eu nunca tinha visto um homem pelado, e ele com um pau enorme duro na minha frente me fez ficar paralisada, totalmente sem reação. Ele me tomou nos braços e tirou minha lingerie, nos deitamos na minha cama e ele tentou tirar minha virgindade mas doeu muito e eu não deixei ele prosseguir. Depois disso, não conseguimos mais ficar sozinhos sem que houvesse pegação, eu ainda tinha medo da penetração porque o pau dele é enorme e a minha buceta era apertadinha, mas eu deixava rolar um oral e pagava um boquete gostoso e ele me lambia todinha. Quando enfim aconteceu a minha primeira tranza de verdade, estávamos no carro de uma amiga. Era numa janta e ela estacionou o carro umas duas quadras do restaurante onde estávamos. Eu tinha esquecido minha bolsa no carro e voltei pra buscar e ele estava comigo, eu entrei no carro pra pegar minha bolsa e ele me empurrou pra dentro do carro e fechou a porta, começou a me beijar e a me tocar com suas mãos firmes por baixo da minha saia e tirou minha calcinha ele tocava minha bucetinha quente e molhada e mordia meu pescoço enquanto eu enlouquecia de tesão. Ele abriu a ...
«12»