1. O Consolo de Camila e a Bunda do meu irmão


    Encontro: 14/05/2017, Categorias: Fetiches, Autor: alexboy, Fonte: ContoErotico

    Camila marcou comigo e com o Raphael de bebermos num bar perto de casa, ela disse que queria fazer algo novo e se a gente iria topar. Mesmo sem saber o que era, aceitamos o desafia. Depois de beber muito fomos todos para minha casa.Meu pai havia viajado com a esposa dele, só estava no apartamento o meu “irmão” Adriano, filho da mulher do meu pai. Ele era um carinha interessante, vivia manjando minha rola. Assim que chegamos verifiquei se ele já estava dormindo, assim que vi que estava tudo limpo seguimos para o quarto.Camila puxou da bolsa um strapon, que é uma cinta de couro com um consolo de borracha. Começamos a rir, até que ela mandou a real. Ela queria meter no Raphael e queria que eu ficasse assistindo.Ela se aproximou dele e beijou seu pescoço e puxou seu rosto em direção ao seus seios e perguntou se ele deixava ela comer o cu dele. Ele aceitou na hora e puxou a camisa de Camila para baixo tentando lamber seus seios.Camila disse que eu estava de castigo, que iria só ver. Ela mandou eu abrir minha camisa, tirar minha calça e sentar no canto do quarto. Fiquei de pau duro assistindo aquela mina colocando a cinta que simulava um pau. Ela colocou gel no consolo e mandou Raphael ficar de quarto.Sem saber controlar a força, Camila colocou mais da metade do consolo no rabo do meu amigo. Ele gemia e pedia para parar, mas elas não se importava, ficou lá socando com o pau de plástico durante uns ... 20minutos. Depois que trocaram de posição, Raphael falou que não ia agüenta mais tanta socada no cu. Camila então fez um meia nove com ele, sentando em sua cara enquanto chupava sua rola.Rapha esporrou na cara inteira de Camila que não se importou e lambeu tudo. Os dois caíram exaustos na minha cama e eu fiquei apenas na punheta. Mal consegui dormir com o tesão acumulado, até que me veio a idéia louca de tentar comer meu irmão.Assim que amanheceu, fiquei sentado na sala com pau mais duro que pedra esperando ele aparecer. No que Adriano acordou, não fiz cerimônias e falei que queria comer o cu dele. Ele estava indo pra praia, mandei ele tirara a sunga, peguei um pouco de lubrificante e comecei a dedar o rabo guloso do meu irmão.Depois fiz ele sentar gostoso na minha pica, assim que cravei no seu rabão, comecei a masturbar ele até que ele gozasse, assim ele não atrapalhava a minha foda e o meu controle sobre ele. Fodemos gostoso e descobri que ele era mais safado do que eu imaginava.Coloquei Adriano sob a parede e continuei socando com vontade até encher ele de esperma de macho. Nós estávamos suados, foi incrível, tinha acabado de realizar um desejo e descobri que meu irmão ia ser meu mais novo brinquedinho.Assim que Adriano saiu pra praia, voltei pro quarto pra terminar a brincadeira com Camila e Raphael, aproveitei pra guardar o consolo, quem sabe não poderia usar aquilo na bunda do meu irmão?
«1»