1. Perdendo o cabaço no convento


    Encontro: 29/04/2017, Categorias: Virgens, Autor: aspireboy, Fonte: ContoEroticoComBr

    O ano é 1999 e um jovem rapaz fez votos na igreja para ficar de uma doença, e se ele ficasse curado ele curado ele se tornaria frade. E assim aconteceu a doença sumiu e ele se dirigiu para pagar suas promessas. Estudando pra se tornar frade, abandonou a vida que levava e a vida sexual bem ativa que ele tinha em cabarés. Ele passou três meses estudando. E foi designado pra concluir seus estudos em outro convento ao sul do país. ele levou três dias pra chegar la. Onde foi recebido pelo reverendo e as freiras que lhe mostraram o seu quarto. Durante as missas ele gostava de ajudar tocar o órgão. E sempre estava treinando no piano. Ele Notou que uma freira coroa que aparentava ter uns 40 anos. As vezes parava ali por aquela sala e ficava ouvindo ele tocar. E depois ela ia embora. Sem dizer nada. E os dias se passaram. E sempre era assim, ele ia ensaiar e ela dava uma passadinha lá no salão pra ouvir. Ate que um dia ele ouviu a porta abrir e olhou parar tars e era ela chegando. Ela disse Freira_ não se incomode, pode tocar eu só vim limpar as coisas por aqui, pois tem muita poeira. Frade_ tudo bem, a senhora não me atrapalha não. E ele continuou a tocar, e ela limpava o salão. Após o ensaio ele foi tomar um banho antes do jantar e perguntou a freira onde teria um banheiro pra ele tomar banho pois o outro banheiro que ele usava estava com um problema na encanação. Então ela mostrou um banheiro que ficava mais perto da cozinha. Ele entrou e foi tomar banho. E freira deu uma saidinha ... pra o quintal pra varrer, ali perto tinha uma escada encostada. E com ela tinha outras freiras ali. Ela olhou pra cima e tinha uma janelinha alta. Ela sabia que se pegasse a escada e escorasse ali. Iria poder ver o frade se banhando. Aquilo veio na mente dela mas ela não deu importância. Na hora da janta ela olhou pra frade e imaginou como seria se olhasse ele tomando banho. E após o jantar ela foi pra o quarto e na hora de dormir. Ela ficou com aquilo na mente. Na manha seguinte foi a mesma coisa, ele ensaiou e depois foi tomar banho. E aquela ideia de pegar a escada começou a consumir ela. afinal ela tinha muita curiosidade de ver um homem de verdade pelado. Uma noite ela estava a rezar e escutou o piano sendo tocado e foi ate o salao. E ficou espionando, ate que o frade levantou e foi tomar um banho antes de dormir. Ai a freira nao resistiu e foi ajeitar a escada. E subiu para ver o frade. Que tirava a roupa e ela mal piscava o olho. com o tamanho da rola dele. E a agua escorria pelo seu corpo. Ao mesmo tempo ela sentia um calor em ver ele pelado. E ela admirada. Viu o frade se banhar, e quando ele terminou ela saiu rápido. Na segunda noite aconteceu a mesma coisa. ela não resistiu e foi ver o frade se banhar, só que agora ela viu algo novo. O frade sentia suas necessidades e começou a se masturbar. E ela viu a rola durona do frade. E ficou de boca aberta com aquilo. A freira ia ver o frade sempre que podia e sempre disfarçando pra ninguém notar e pegar ela no flagra. Por ...
«1234...7»