1. Helena lll no limite do desejo


    Encontro: 28/04/2017, Categorias: Paixão alucinante, Heterossexual, Autor: Kilaim, Fonte: CasadosContos

    Ola, depois descobri que sou uma puta não consigo ficar sem trepar, mas sempre á algo faltando sempre havia homens novos na minha vida e cama, trepava com cada homens uns mais tesudos que os outros. Mas eu estava perdida não queria só trepar, queria mais viver algo louco, então mágica,aconteceu acidente e conheci ele, Henrique charmoso e gosto lindo mas autoritário e casado . Mas não dava para resistir . Quando ele pediu para me ver aceitei na hora, marcamos para depois do meu trabalho . Quando nos encontramos conversamos pouco sobre nos, então ele disse onde vai me levar? Respondi segura motel, quando chegou lá me deu uma timidez, pedi licença me despi diante dele fui para banho . Quando abri a porta do banheiro ele me agarrou e prendeu na parede me beijou,, apertando meus seios e depois sugando, se ajoelhou colocou minha perna no seu ombro e me chupou ali de pé eu gemia e puxava os cabelos delo, não deu nem tempo de respirar já estava na cama chupando o pau dele que era grande delicioso, eu chupei o saco dele era como se estivesse possuída, ele me deitou colocou minhas pernas nos ombros e meteu fundo aquele pau delicioso que tocava até no fundo do meu útero, eu não conseguia me recuperar e já estava em outra posição,, cavalgando e fodendo todas as posições, depois de quatro ele começou comer meu cuzinho eu gritava como louca para ele me foder ele batia no meu bumbum e me ... chamava de sua puta delicioso, ele gozou no meu cu fiquei cheia de porra, quando achei que havia acabado ele veio do banheiro e meteu na minha buceta novamente, ele disse agora quero sua buceta transbordando de porra . Ele começou a me foder mais forte eu gemia e gritava ele me beijava e sugava meus seios . Eu já estava para desmaiar já havia gozado quatro vezes eu estava louca mas não queria que parace, quando ele gozou escorinha pelas minhas coxas sua porra . Eu estava perdida com aquele homem, sério, duro, mas na cama não tinha limites . Eu não resisti virei sua amante e cada vez nossas trepadas era melhor, ele me algemava,vendava, usava vários brinquedos e cada dia nos tornavamos mais loucos em nossos desejos e paixão, ele chegava vir de madrugada para trepar comigo, ele quando muito excitado não retirava minha lingerie, ele as rasgava e isso me excitava mais, adorava colocar salto alto e apenas um colar delicado e dançar para ele, quando fazia isso nos trepavamos horas sem parar . Ele se tornou obcecado por mim eu por ele de forma alucinante . A posição que ele ocupava era muito importante e se nosso segredos fosse descoberto ele perderia tudo, mas mesmo assim nosso jogo continua até hj . Não consigo ficar sem o pau dele trepamos todas as formas, sem pudores . Apenas quero ser fodida por ele e quando penso que sou a puta que controla o pau dele eu gozo como uma cadela no cio .
«1»