1. QUANDO ME TORNEI SUBMISSA. I


    Encontro: 25/04/2017, Categorias: Sadomasoquismo, Autor: coach, Fonte: ContoErotico

    Meu nome é Soraia, tenho trinta e oito anos, solteira por opção, sou o tipo de mulher que você gostaria de conhecer! Se eu gostaria de te conhecer já é outra questão...Não, não sou muito modesta porque não tenho motivos para isso, sou honesta e frontal, digo o que penso, não levo desaforo para casa e mesmo assim tenho muitos amigos, bons amigos que gostam de mim como sou. Tenho um namorado muito especial, na verdade muito mais que um simples namorado, mas isso será esclarecido mais para frente, em outro conto.Eu conheço alguns países mundo afora,viajei bastante como turista, as vezes sozinha as vezes acompanhada, mas conheço melhor Portugal e Espanha, países onde estudei, trabalhei e morei por anos, quatro em Portugal e seis na Espanha. Em Portugal estudei em Coimbra, fiz faculdade e me formei em engenharia de programação. Foi um período bom na minha vida, conheci bem o simpático país, terra de meus avós, estudei bastante, conheci a cultura, o povo e trabalhei em várias atividades enquanto estudava, principalmente com restauração o que é bom para conhecer pessoas do mundo inteiro,namorei gatinhos de tudo quanto é canto do mundo naquela época dos meus vinte anos,uma menina ainda...Fiquei morando em Portugal até meus vinte e cinco anos, depois fui morar na Espanha porque depois de formada não conseguia colocação compatível com minha formação e eu não estava a fim de ficar em Portugal que na época passava por uma grave crise econômica onde eu teria que engavetar meu diploma e ... ficar fazendo serviços abaixo da minha qualificação. Falo com perfeição inglês e espanhol além é claro do português, meu diploma abriu portas na Espanha e eu consegui um bom emprego em uma multinacional europeia. Trabalhando na minha área, com um bom salário e muitas regalias foi um período maravilhoso para mim. Aprendi coisas novas, assimilei a cultura e me transformei em vários sentidos, ganhei experiência profissional, de vida e até percebi mudanças na minha personalidade, fiquei mais madura e com a mente mais aberta, é claro que eu não era mais uma menina o que explica muito, mas o ambiente europeu muda a gente em vários sentidos...Na Espanha eu me apaixonei pelo meu chefe, o Sr Diogo, um homem maduro e sério, mas com uma aparência intrigante, sensual e provocante. Diogo pertence a uma família rica e tradicional da Espanha, são pessoas muito bem relacionadas e com poder na sociedade espanhola. Com mais de quarenta anos, moreno muito alto, com físico bem cuidado e usando barba o homem despertou meu interesse de maneira séria, não foi uma paixonite de mocinha, foi atração fatal mesmo! Meu chefe sempre foi educado e me tratava com todo o respeito mas eu sentia uma coisa no ar quando ele falava comigo, mais tarde confirmei isso, mas eu sempre ficava com a impressão de que ele queria uma aproximação maior comigo. Eu já estava com vinte e nove anos, então achei que se eu me sentia atraída pelo Diogo não tinha porque ficar agindo como uma menininha, resolvi deixar claro para ele ...
«1234...8»